Chinesa ZX Auto confirma chegada ao Brasil

ZX Auto Grandtiger

Aposto que vocês ainda não conseguem lembrar de todos os nomes de marcas chinesas que já estão no Brasil. Eu confesso que preciso anotá-los para não esquecer de alguém. Pois bem, agora temos outros nome para decorar: ZX Auto. A montadora deve desembarcar no país em agosto trazendo na bagagem a picape média Grandtiger.

O nome por extenso da marca é Zhongxing Automobile e sua chegada ao Brasil é ensaiada há bastante tempo – unidades da Grandtiger foram flagradas por aqui desde 2008 pelo menos. Além do Grandtiger, a marca, especializada em utilitários, vende também o SUV Landmark e outra picape mais antiquada, a Admiral.

Confira o calendário de lançamentos de 2014

Quem garante que a ZX Auto estará no Brasil é a edição deste domingo do jornal Folha de São Paulo. Segundo ele, um grupo de empresários de Goiás assumiu a representação da marca – estranhamente, não há um nome para essa empresa na matéria. Como só vende picapes e SUVs, a ZX Auto ignorará os maiores mercados do país – São Paulo e Rio. As 35 concessionárias da primeira fase ficarão em Goiás, Distrito Federal e Minas Gerais.

O preço da Grandtiger 4×2 impressiona: R$ 39.900 – a picape tem motor a gasolina 2.4 com 128 cv e não diesel, normalmente preferido no segmento. Até fábrica a ZX Auto admite abrir em Goiás em 2012. Como sempre, muita ambição e pouca clareza a respeito do pós-venda, ponto-chave para o consumidor. Vamos ver no que vai dar.

8 Comments on “Chinesa ZX Auto confirma chegada ao Brasil

  1. Os carros dessa empresa ao menos em termos de design são praticamente réplicas de outros fabricantes. Essa Grantiger é réplica da Ranger, a Admiral é réplica de antigas Hilux e picapes Mazda, e a Landmark é réplica da Pajero Sport.

  2. Outro ?

    Por onde anda o HUANGHAI PLUTUS que a EFFA traria ?

    Réplicas ou não, o que não falta na China são opções de picapes.
    http://www.pickups.cn/
    O que confunde é que fábricas/marcas diferentes pertencem, na verdade, a um mesmo conglomerado industrial.

    Os representantes brasileiros ajudam a confundir ainda mais; a CN AUTO, a EFFA e a CHANA, por exemplo, trazem as mesmas mini-picapes e mini-vans produzidas pelas HAFEI (que faz parte do complexo CHANG'AN "Chana") e as vendem aqui como "towner", "ULC" e "cargo", "family" e "utility", respectivamente.

    A CN AUTO traz também o EFFA M100, na verdade CHANGHE IDEAL, fábrica também pertencente ao complexo CHANG'AN "Chana".

    Resumindo: será que vai valer a pena ficar tentando decorar os nomes exóticos e de difícil assimilação desses chineses ?

  3. A RANGER E A S 10 vão ter competidoras de mesmo nível pelo menos em design,dá-lhe ZONGXING XINGLING!

  4. Fico Imaginando esse carro daqui uns cinco anos ou pouco mais. Que tristeza.

  5. @indignado,

    Chique esse link que vc. postou.

    Tem muita opção na China de pick-ups.

    Abs.

  6. Olha… réplica é réplica…este monte de carros chineses vão dar trabalho. O caso é que a produção na China é barata pois não direito trabalhista ( ou há? ). Fico a pensar: como vão fazer em Jacareí? Vai ser interessante o relacionamento da chinesa com o sindicato dos metalúrgicos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>