Marca chinesa Great Wall deverá estrear no Salão do Automóvel

Great Wall Hover

Depois de muitas idas e vindas, a marca chinesa Great Wall deverá, enfim, estrear em território nacional oficialmente. O grupo CN Auto, que hoje representa as marcas Hafei e Jinbei, está em negociações finais com a Great Wall e deve anunciar em breve que será responsável pela venda de seus veículos no Brasil. Conforme nos confirmou hoje o diretor da empresa, Humberto Gandolpho Filho, a estreia da Great Wall será no Salão do Automóvel de São Paulo, em outubro.

As vendas começarão em seguida e os modelos escolhidos pela CN Auto serão uma picape e um utilitário esportivo. Embora não revelado pelo executivo, os modelos favoritos são o crossover Hover e a picape Wingle, dois dos mais novos produtos da montadora chinesa.

Confira o calendário de lançamentos de 2014

O impasse em relação aos novos padrões de emissão em vigor no Brasil ajudaram a definir que os dois veículos terão, a princípio, apenas versões com motor a gasolina à venda. Ambos utilizam motores da Mitsubishi de 125 cv a 134 cv.

Maior chinesa no país em 2009

Mesmo com os holofotes na Chery, a marca chinesa mais vendida no Brasil em 2009 foi a Hafei. A marca vende aqui o utilitário Towner, famoso na década de 1990, mas que só preserva o nome do modelo coreano original. A Hafei apenas paga um valor mensal pelo uso do nome – seu veículo, segundo a CN Auto, não tem nenhuma peça oriunda do veículo vendido pela extinta Asia Motors.

Foram 1 248 unidades vendidas em 2009 contra 733 da Effa e 304 da Chana – a Chery emplacou 497 carros, mas não participou de todo ano, como é bem sabido.

Great Wall Wingle

4 Comments on “Marca chinesa Great Wall deverá estrear no Salão do Automóvel

  1. Humilhante, mas os chineses estão chegando e ninguém irá segurá-los. Se será tão grave quanto foi com várias outras indústrias ninguém sabe, mas há indícios – um deles é que com raras exceções aqui se produz lixo reciclado para vender como automóveis.

    O Hover (no mais autêntico exemplo de engrish) chegou em 33o no Dakar esse ano, coisa que nosso Pajero Sport não conseguiu – foi desclassificado antes da metade da prova. Esse tal de Hover deve custar lá na China 10% do que se paga aqui pelo Sport. Salve-se quem puder…

  2. Os chineses vieram prá ficar. O senão é que marcas desconhecidas levam a prejuízos conhecidos: a desvalorização do veículo é certa. A aposta e o custo da novidade é todo seu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>