Mercedes-AMG E 63 S 2018

Mercedes-AMG E 63 S 2018

Pouco tempo após a chegada da nova geração do Classe E, agora é a vez do Mercedes-AMG E 63 S fazer a sua estreia no mercado nacional. O novo modelo, que se posiciona como a versão mais esportiva da linha do sedã; é equipado com um novo motor V8 biturbo que desenvolve até 612 cavalos de potência. A nova variante tem preço de R$ 699,9 mil.

Inscreva-se no Canal do BlogAuto no YouTube, vídeos novos todo dia.

O motor do novo Mercedes-AMG E 63 S 2018 é um 4.0 litros V8, que usa dois turbocompressores e injeção direta de gasolina. A potência máxima é de 612 cv, entre 5.750 e 6.500 rpm; e o torque máximo é de 86,7 kgfm, entregue entre 2.500 e 4.500 rpm. Junto a ele está um câmbio AMG Speedshift de nove marchas e sistema de tração integral permanente 4Matic+ com distribuição de torque variável e modo drift.

A Mercedes-Benz diz que o novo sedã esportivo consegue acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 3,4 segundos. Já a velocidade máxima é de 300 km/h, limitada eletronicamente.

Mercedes-AMG E 63 S 2018

Mercedes-AMG E 63 S 2018

Entre os equipamentos, o E 63 S AMG oferece sistema AMG Dynamic Select com cinco modos de condução: Comfort, Sport, Sport+, Race e Individual; que altera a resposta do motor, câmbio, suspensão, direção, controle de estabilidade e tração. Há ainda suspensão a ar multicâmaras Air Body Control com ajuste continuo do amortecimento e ajuste da rigidez das molas pneumáticas pela ativação ou desativação de câmaras de ar individuais; diferencial traseiro com deslizamento limitado e freios com discos de material compostos.

A lista inclui também faróis Multibeam LED com 84 LEDs cada; controle de distância ativo Distronic e sistema de condução semiautônoma Drive Pilot.

Mercedes-AMG E 63 S 2018

Mercedes-AMG E 63 S 2018

O visual do novo Mercedes-AMG E 63 S 2018 se difere pelos para-choques mais agressivos; grade exclusiva; spoiler dianteiro inspirado no design da asa de um jato; duas lâminas de entradas de ar externas; rodas de 20 polegadas em cinza titânio fosco; defletor na parte superior do porta-malas e saída dupla de escapamento.

Por dentro, as diferencias ficam por conta do volante com base achatada, acabamento em couro preto, cinza cristal na posição 12 horas e costuras contrastantes; painel de instrumentos e linha de cintura do painel em napa; bancos esportivos; relógio analógico com design IWC; painel de instrumentos com novo grafismo e cintos de segurança cinza cristal.

Confira o BlogAuto no: Youtube, FacebookGoogle+, Instagram e Twitter.

Mercedes-AMG E 63 S 2018 é lançado por R$ 699,9 mil

»crosslinked«