Peugeot 207 Passion: porta-malas

Porta-malas tem 420 litros de capacidade

Porta-malas tem 420 litros de capacidade

Lembro da primeira vez que vi o 207 Passion: a impressão era de que ele havia sido engolido por um 407. Os enormes faróis e a traseira volumosa contrastam demais com as pequenas portas. Ao vivo, não sei se me acostumei ou se realmente o visual tem até alguns ângulos aceitáveis. Pelo que vocês escreveram no post anterior, o estilo do 207 sedã não agradou a maioria e não dá mesmo para fazer milagre – é um facelift muito pesado sobre um projeto de mais de 10 anos.

Avaliação: novo Toyota Corolla 2015

Uma coisa conta a favor. A primeira sensação é de que nosso 207 está mais caprichado. Os elementos demonstram uma qualidade acima da média dos compactos, ainda mais nessa época de carros de plástico. E eis aí um aspecto que tem de ser levado em conta: plástico é uma tendência sem volta, não tem jeito. Até carros mais caros usam, mas existem “plásticos” e “plásticos”. Pegue na maçaneta interna de um Fiesta ou de um Celta. Parece material de brinquedo que vai quebrar se você fizer muita força.

O Peugeot agrada nesse ponto – a nova “cobertura” do painel, por exemplo, tem uma textura bacana, que dá uma impressão de sofisticação, bem ao contrário de Logan e cia. Não digo que seja ideal, mas não deveria custar tanto para as montadoras caprichar um pouco no interior.

Bem, mas nesse post quero falar do porta-malas, a maior novidade desta versão. Com 420 litros, não está tão perto dos maiores do mercado, como o Siena e Symbol, mas dá conta do recado. Agora, estranhei mesmo foi a maneira que a Peugeot imaginou abrir a tampa. Alavanca ou botão no console? Não. Acionamento pela chave? Também não. Botão elétrico acima da placa? Passou longe. Para abrir o porta-malas, você precisa apertar a fechadura. Pode parecer trivial para alguns e comum em carros mais antigos (me veio à mente a Caravan, da Chevrolet), mas precisei olhar no manual para descobrir.

Nesse ponto, gosto da solução do Voyage e sua tampa com molas que abre sem você precisar colocar as compras no chão. Como disse, o espaço é bom, e o piso fica numa posição elevada que evita que você se incline demais para acessá-lo. Detalhe: a Peugeot cobriu a base das hastes da tampa com forração para dar uma melhor impressão.

Nos próximos posts vamos falar um pouco sobre o pacote de equipamentos, que tem diferenças estranhas, como bem observou o Leandro, o JD Fortuna, o Rafael e o Marcial.

Ficha técnica do Peugeot 207 Passion XS 1.6

Peugeot 207 Passion: abertura do porta-malas

Peugeot 207 Passion: abertura do porta-malas

11 comments
PABLO
PABLO

tenho um passion 2011, e não acho nen um destes problemas relacionados, isso é a concorrencia que deixa esses recados e reclamações absurdas pro ter medo dos franceses completos entrar no mercado deles por que é o que esta acontecendo, por que já rodei 40.000km e não tem nen um problema. Recomendo PASSION

Manoel
Manoel

Comprei um 207 em outubro de 2008. Fui o primeiro na Bahia com um exemplar Passion XS 1.6, o carro logo chamava a atenção por onde passava e até hoje atrai olhares. Muito silencioso e com acabamento impecável, além de detalhes que fazem e fizeram a diferença na hora da compra, como acendimento automático dos faróis, ar digital, etc, achei que fosse a melhor compra de todas! E realmente, em termos de conforto e opcionais, não tem o que se compare no mercado. Contudo, nem tudo são flores, tive um sério problema com as borrachas das portas, que se soltaram inúmeras vezes (mas sempre recolocadas na concessionária) e agora estou me desfazendo do carro com 44 mil km rodados. O que quero deixar claro, e´que nenhum carro é perfeito, mas o Peugeot atende bem e é um carro pra quem busca conforto no dia-a-dia, além de segurança e respostas rápidas. O ponto negativo do Peugeot foi a desvalorização, quanto a manutenção, não achei cara, já tive vw, Gm, Ford, e todas foram experiências muito piores. Indico!

Roberto Costa
Roberto Costa

Tenho um 207 Passion com mais de 30000 rodados. Quando comprei fui atraído pelo preço e pelas condições de pagamento. Além disso o carro é bonito e chama a atenção pelo seu design diferenciado. Apesar de um pouco apertado é bastante confortável e bem acabado. Sua principal característica é o silêncio na cabine, tanto que não percebemos quando se chega à uma velocidade de 100km/h. O motor 1.4 é forte e leva bem 4 pessoas com suas bagagens. Problemas até agora foram: ruído na suspensão, corrigido com a troca da bieleta (ainda na garantia) e um borrachão da porta traseira que se soltou (recolocado pela concessionária, sem custo).

Lafey
Lafey

O 207 dá de DEZ em qualquer VW da mesma categoria !!!

Coitados DESTES INFELIZES QAE AINDA ESTÃO NOS ANOS 80 QUANDO A vOLKS AINDA TINHA CARROS SUPERIORES 'AS DEMAIS CARROÇAS DA ÉPOCA....

TE LIGA MAGRÃO.... VOYAGE ???? KKKKKKKKK

Lia
Lia

Tenho um 207 passion XS... é lindo e não tenho nada a reclamar. Comprei no início de 2010 e até hoje não tive nenhum problema com ele.

ana
ana

Grande decepção minha compra do 207. Comparei carros por mais de 1 mês, optei por ele por achar mais bonito e me arrepndo amargamente. Meu carro está com menos de 7 mil Km rodados, tem barulhos por todo lado (painel, motor, freios), a parte elétrica está com mal contato (a seta ora funciona ora não, idem a luz no painel do farol de milha)e até uma mola já soltou no banco do motorista (eu só peso 58Kg). Tive um 206 usado e era muito bom. Entretanto, o 207, apesar de 0Km foi uma grande decepção...

Eron
Eron

P/ Roberto... os 207 são montados no Rio de Janeiro, diferente do 307, ele não tem nada de importado. talvez a dificuldade das peças seja ou de transporte ou da propria concessionaria em fechar "pacote" de peças (pedido) para se tornar mais barato...

Júnior
Júnior

Achei que o carro depois de um tempo começa a apresentar ruidos internos tais como rangidos e estalos dos bancos dianteiros, um grilo no painel proximo ao volante e um barulinho irritante na porta dianteira esquerda e na trazeira direita que a consecionária suspeita das fechaduras. Porem o mais importante é que a ré arranha e a primeira fica dificil de entrar quando o carro está quente. A consecionária está procedendo a troca da embreagam. Deta-lhe é que o carro só tem 7 meses de comprado.

Roberto
Roberto

Tenho um 207 Passion e rodei na BR 101 no dia 08/05/2010 meu carro foi no mesmo dia para a concessionária Peugeot de Florianópolis até hoje dia 21/07/2010 ainda não ficou pronto. O problema segundo a concessionária é que as peças são importadas e tem que vir da Argentina, então proprietários do 207 Passion por favor não colidam seus veículos e ou não deixem colidir na traseira dos mesmos. O assoalho e a lateral traseira são muito difíceis de serem encontrados, mesmo nas fábricas...

Gratos

Marco
Marco

isso são pequenos detalhes!!! em geral o 207 é bem melhor q/ o voyage + confortável e muito + bonito, possui um acabamento bem melhor q/ as carros da VW

John
John

O porta-malas do 207 (que na verdade é um 206) possui acesso ruim, com abertura alta e pequena. O Voyage, apesar de não ser nada extraordinário (o acesso ao porta-malas), é muito melhor. A abertura do porta-malas do Voyage ainda pode ser feita por um simples toque no controle remoto, muito prático para quem está com as mãos ocupadas, ou mesmo em situação de chuva, por exemplo. E o 206+, que se propõe como "sofisticado", tem que apertar o botão???