Volkswagen lança linha 2012 da picape Amarok

VW Amarok

A Volkswagen anunciou nesta semana a linha 2012 da picape média Amarok, que ganhou mais equipamentos de série, novos opcionais e uma nova versão especial para clientes corporativos.

A versão intermediária, Trendline, não recebeu mudanças significativas. O motor é o 2.0 litros biturbo a diesel e o preço sugerido é de R$ 105.990. Opcionalmente, a Amarok Trendline oferece rádio RNS 315, volante multifuncional, sensor de estacionamento, com sistema de navegação. O equipamento conta com display sensível ao toque de cinco polegadas, que também exibe os comandos do sistema de ar-condicionado.

Avaliação: novo Toyota Corolla 2015

VW Amarok

Na versão topo de linha, a Highline, a Amarok vem equipada de série com sensor de estacionamento traseiro, volante multifuncional e rádio com tela touchscreen e sistema Bluetooth. O preço para a versão é de R$ 123.990.

Além disso, a Volkswagen passa a disponibilizar para frotistas a versão SE – com o designo de ser o veículo mais potente para frota –, com cabine dupla, equipada com o motor 2.0 TDI que desenvolve 163 cv e tração 4×4. Ela se diferencia da versão de 122 cv – aquelas com rodas “de Kombi”– pelo para-choque dianteiro em preto e pelas rodas de liga-leve de 16’’.

Nota do editor: que coincidência a Volkswagen lançar a linha 2012 da Amarok um dia antes da Toyota mostrar a Hilux reestilizada. Como se vê, a concorrência vai ser acirrada entre as picapes médias em 2012.

8 comments
Rafa Cury
Rafa Cury

Acorda VW tras o cambio de 8 marchas logo!!!!!!!!!!!!

daniel flavio
daniel flavio

Mto boa, mas o mercado eh quem dita as regras, e nele a VW ainda estah engatinhando!!!

avocat
avocat

Ja andei ma hilux, na amarok e na mitsubishi e todas são muito confortaveis, mas acho um absurdo 123.000 numa amarok!

Assim como acho um absurdo 75.000 no veloster, 115.000 na IX35 branca, 80.000 num cruze/corolla/civic TOP!

RICARDO RJ
RICARDO RJ

Ainda tem fã da GMB chamando o 2.0 biturbo da Amarok de "motorzinho" perto do "avançado" MWM 2.8 de 128 cv EQUIPA A 'MODERNA' S10!E o câmbio automático de 8 marchas já foi lançado na Europa.Entre ela e a Hilux a escolha é difícil,mas eu ainda ficaria com a Toyota pela solidez e valor de revenda.

Brasileiro com vergo
Brasileiro com vergo

Concorrência que nada, a RAM é que vai chegar arrebentando. A Hilux ainda não é da nova geração - é só mais um truque DO BIGODE para não micar total até chegar a nova. Já a nova geração (chevy, ford e volks), são todas boas, destaque para a maroca - que ainda é a única no mercado nacional - com seus recursos eletrônicos, principalmente o ESP, que deveria ser OBRIGATÓRIO para utilitários, incluindo as vans escolares e de turismo.

Mas a volks é mestre em fazer mico e dá ZERO de valor ao consumidor brasileiro - muda o rádio mas não traz o câmbio automático, numa picape desse preço. Continuamos com Golf IV, Kombi - e maroca manual...

Rafa Cury
Rafa Cury

A camioneta pode ser boa, mais quem esta disposto a pagar 123mil em um carro compra uma SRV 128mil cambio automático.

Leandro Pi
Leandro Pi

falta é um câ,bio automático, pq de resto ela já é um produto melhor que as rivais, mas aparentemente os capiais estão dando o maior valor pra extinguir o pedal da embreagem em seus carros!

Enzo
Enzo

A Volks tem um ótimo produto nas mãos, na minha opinião falta propagandas mais agressivas como a da Nissan, sei que não é tradição da marca fazer propagandas nesse estilo, mas falta um marketing que chame mais atenção, pro exemplo, a propaganda de lançamento ficou demais na história do elefante e esqueceu que o produto era a Amarok, mesmo ela aparecendo, o foco ficou na história do elefante. Já a Nissan com os Pôneis Malditos conseguiu um imenso feedback. Falta agressividade pra Volks.