EDG Niobium e-Bike

EDG Niobium e-Bike

A EDG, empresa de tecnologia do piloto Lucas di Grassi (atual campeão mundial da Fórmula E); apresentou recentemente uma novidade para o segmento de bicicletas no mercado brasileiro. Trata-se da EDG Niobium e-Bike; considerada a primeira bicicleta elétrica urbana totalmente projetada, desenvolvida e produzida no território nacional. O novo modelo foi desenvolvido pelas empresas juntamente com engenheiros aeroespaciais.

A nova bicicleta elétrica oferece um motor elétrico capaz de entregar 700W de potência, o que equivale a 1 cavalo de potência; e 4,8 kgfm de torque. Ele é alimentado por bateria de íons de lítio com células 21700 de tecnologia automotiva e carregamento por USB do tipo C; a mesma conexão utilizada por smartphones mais recentes. Este conjunto consegue proporcionar autonomia de 100 quilômetros e velocidade máxima de 50 km/h (limitada em vias públicas a 25 km/h).

EDG Niobium e-Bike

EDG Niobium e-Bike

A bateria pode oferecer autonomia de 25 km com uma hora de carga. Haverá em breve uma tecnologia de recarga de seis minutos para 100 km. Há ainda o sistema de recuperação de energia em frenagens.

Outro destaque da Niobium e-Bike é o quadro feito em nióbio (daí o nome da bicicleta). Este componente é fruto de uma parceria com a CBMM (Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração), fornecedora do material; que é bastante utilizado também na indústria de alta tecnologia – como em aparelhos de ressonância magnética e até mesmo na propulsão de foguetes.

EDG Niobium e-Bike

EDG Niobium e-Bike

De acordo com Di Grassi, a bicicleta foi desenvolvida tendo como base as “expectativas e nas necessidades do usuário moderno. Conectividade, confiabilidade, resistência, autonomia, baixo custo por quilômetro rodado, e eficiência”.

“O carro elétrico ainda é uma realidade distante no Brasil, muito disso em virtude da ausência de infraestrutura para recarga destes veículos. Por isso, o primeiro meio possível de transporte movido a eletricidade, com capacidade de adesão em massa, na visão geral de transformar a mobilidade urbana brasileira, tem de ser a bicicleta, que tem o menor custo por quilômetro rodado, o que é 167 vezes mais eficiente do que um automóvel leve”, afirma Di Grassi.

Veja também: As 5 motocicletas mais rápidas do mundo

Ainda não há detalhes a respeito dos preços e data de lançamento da EDG Niobium e-Bike no mercado.

Confira o BlogAuto no: Youtube, Facebook, Google+, Instagram e Twitter.

EDG lança nova Niobium e-Bike no Brasil