Fiat 500 S

Fiat 500 S

A Fiat pretende deixar de produzir o 500 no México em sua próxima geração, que será lançada em 2015. A afirmação surgiu no jornal Automotive News que diz ainda que o novo Fiat 500 será fabricado apenas na Polônia, onde iniciou sua carreira.

Quer parcelar os débitos do seu carro? Faça tudo online: licenciamento, IPVA e multas sem todo o processo burocrático. Saiba mais, clicando aqui.

A montadora italiana teria chegado à essa conclusão a fim de abrir espaço na unidade mexicana para modelos com mais apelo nos EUA. Hoje o Fiat 500 tem vendas pequenas no país, apesar do preço convidativo. Outro motivo alegado é que os trabalhadores da fábrica polonesa de Tychy têm protestado pela redução de produção, agravada pela transferência da linha de montagem do Panda para a Itália.

Se isso ocorrer, o Fiat 500 deve voltar a ser um carro de nicho no Brasil. Hoje ele só não vende mais porque existe a cota de importação do México. Antes disso, o modelo custava mais de R$ 60 mil vindo da Polônia. A versão mexicana, por sua vez, chegou a custar R$ 40 mil na época do lançamento. Isso, caso a Fiat não decida produzir a nova geração no Brasil.

Veja mais: Qual marca de automóveis é a maior no Facebook?

A fábrica da Fiat no México foi herdada da Chrysler quando esta foi assumida pelo grupo italiano. Nela foi fabricado outro modelo inspirado no passado, o PT Cruiser, já fora de linha.

Confira a página oficial do BlogAuto no Facebook.