Projeção do novo hatch compacto da Ford feita pela Car & Driver (Novo Escort)

Projeção do novo hatch compacto da Ford feita pela Car & Driver (Novo Escort)

O Escort deve voltar ao Brasil em 2014, pelo menos foi o que uma fonte informou ao BlogAuto,  e não se trata do retorno do modelo que foi substituído pelo Focus em 2000. O nome ‘Escort’, na verdade, é o favorito para batizar o novo compacto global da Ford que começará a ser vendido no Brasil entre março e abril de 2014. O Novo Escort , cuja aparência é bastante próxima da projeção acima, feita pela revista Car & Driver, tem uma missão dupla: fazer o papel do Ka e do Fiesta Rocam em nosso mercado.

Quer parcelar os débitos do seu carro? Faça tudo online: licenciamento, IPVA e multas sem todo o processo burocrático. Saiba mais, clicando aqui.

Para sermos mais precisos, o provável ‘Novo Escort’ deverá ser um rival direto para o Volkswagen Gol G5, novo Fiat Palio, Chevrolet Onix e Hyundai HB20, para citar alguns exemplos. A ideia é que ele custe entre R$ 28 mil e R$ 40 mil, faixa onde atuam os rivais e o atual Fiesta Rocam (que ficará em produção por um período curto e terá seu preço reduzido) e que fica bem abaixo do New Fiesta 2014 com motor 1.5 litro.

Por falar em motor, o Novo Escort deverá utilizar o 1.5 litro do New Fiesta e também uma inédita versão aspirada do Ecoboost 1.0 litro que ainda não é vendida no Brasil – esse motor utiliza 3 cilindros apenas, assim como alguns rivais da Ford. A produção do hatch será feita em Camaçari, na Bahia, no começo de 2014 – segundo fontes, o carro está ‘pronto’. A versão sedã deverá chegar até o final do ano que vem.

Morte ao Ka

Embora ainda não esteja confirmada, o renascimento da marca ‘Escort’ faz sentido já que é um nome forte e associado a um produto que deixou boa imagem. A Ford, inclusive, jogou o nome na mídia recentemente com um conceito chinês para ver a reação do público. Enquanto isso, tudo leva a crer que o Ford Ka vai descansar em paz.

Veja também: Como trabalhar para uma fábrica de automóveis?

A Ford parece ter desistido da ideia de vender um subcompacto não só no Brasil (onde o carro cresceu em 2009 para se aproximar dos verdadeiros compactos), mas também na Europa, que hoje compra um ‘Ka da Fiat’. Sim, para quem não se lembra, o Ka europeu é um Fiat 500 com visual da marca americana. Como se ventilou recentemente, quando a segunda geração do modelo italiano for lançada, a Fiat deixará de montar o Ka para a Ford.

Confira a página oficial do BlogAuto no Facebook e no Google+.