Renault Twingo

Ao decorrer de uma entrevista cedida à imprensa brasileira nesta terça-feira (13), o presidente da Renault do Brasil, Jean-Michel Jalinier, revelou que a fabricante planeja produzir na planta de São José dos Pinhais, no Paraná, um modelo com preço inferior ao compacto Sandero, ou seja, um provável substituto ou uma nova geração para o Clio.

Quer parcelar os débitos do seu carro? Faça tudo online: licenciamento, IPVA e multas sem todo o processo burocrático. Saiba mais, clicando aqui.

De acordo com o executivo, o novo hatch deverá ser apresentado no próximo ano, reforçando a ideia da marca de ampliar suas vendas em 2012. Neste ano, a Renault deverá fechar com uma participação no ranking geral de marcas com 5,6%, já para o ano que vem, a empresa deverá aumentar este número para 6,5%.

Jalinier ainda reforçou que a adaptação de modelos comercializados na Europa (como a futura geração do Clio e o Mégane III, por exemplo) está descartada.

Sete lançamentos para 2012

E para majorar sua participação no mercado nacional, a Renault realizará sete lançamentos ao longo do próximo ano. Conforme o divulgado, os lançamentos da fabricante incluem novos veículos e novas versões para os automóveis que compõem o portfólio atual da francesa.

Até 2016, a Renault promete 13 lançamentos e totalizar 400 pontos de vendas. Neste ano, foram inaugurados 28 novos pontos de vendas em todo País.