Renault Duster Oroch

Renault Duster Oroch

O Renault Duster Oroch, um dos principais destaques do Salão Internacional do Automóvel de São Paulo 2014, fez aquilo que todos esperavam: apareceu quase com a cara definitiva. Ao contrário da Fiat, que resolveu criar uma maquete toda exagerada, veja aqui o Fiat FCC4, a Renault preferiu mostrar um veículo que funciona, mas com adendos estéticos para chamar a atenção, o chamado ‘show car’.

Quer parcelar os débitos do seu carro? Faça tudo online: licenciamento, IPVA e multas sem todo o processo burocrático. Saiba mais, clicando aqui.

A futura picape Duster deve chegar ao mercado em 2015, apesar de o presidente da marca Olivier Murguet ter falado em estudos e contas antes de lançá-la. O que o executivo não escondeu em entrevista ao BlogAuto é o olhar de orgulho pelo modelo. “Ele tem o mesmo espaço interno generoso do Duster e leva bastante carga”, explicou.

Para quem esperava um monstro, como dava a entender aqueles Dusters com caçamba que surgiram na Europa, a Oroch é bela, elegante e com aparência de ser maior do que é. Mas não. A picape vai se enfiar entre o Fiat Strada Cabine Dupla e o Chevrolet S10, com preços parecidos com os do Duster.

Renault Duster Oroch

Renault Duster Oroch

Veja também: Veja quais são as principais atrações do Salão do Automóvel

É uma jogada de mestre da Renault. Hoje 80% das vendas são de veículos baseados na plataforma M0, que de origem ao Logan. Eles são baratos, confiáveis e espaçosos. Com a Oroch, esse percentual vai crescer e não falta espaço para produzi-la. A fábrica de São José dos Pinhais, PR, pode fabricar até 220 mil unidades dos quatro modelos e hoje ocupa cerca de 70% dessa capacidade.

Confira a página oficial do BlogAuto no Facebook e no Google+.

Renault Duster Oroch, a picape aparece