Renault e.dams

Renault e.dams

A Renault e.dams, equipe de automobilismo da marca francesa, vem colhendo bons resultados na Fórmula E. Nos três anos da competição de carros elétricos, a equipe conseguiu três títulos e um total de 268 pontos. Atualmente, a e.dams é formada pelos pilotos Sebatien Buemi e Nicolas Prost.

Na primeira temporada, a equipe da Renault venceu o título de equipes; repetindo a façanha no ano seguinte e também no terceiro ano na última corrida em Montreal. Buemi, porém, perdeu o título de pilotos no primeiro ano da Fórmula E com uma desvantagem de apenas um ponto; mas conseguiu se consagrar como vencedor no ano seguinte na final em Londres.

Em 2017, a Renault e.dams venceu com recorde de seis vitórias em 12 corridas. Trata-se da única escuderia a registrar pontos em todas as corridas. A equipe e Buemi venceram já na prova de abertura, que aconteceu em Hong Kong; e registrou bons resultados também em Marrakesh e Buenos Aires.

Renault e.dams

Renault e.dams

Em Mônaco, o piloto suíço largou na pole position, sua primeira temporada. Na semana seguinte, em Paris, ele conseguiu a primeira vitória da Renault e.dams. Buemi obteve uma nova vitória na segunda corrida de Berlim, a 6ª em oito corridas. Nicolas Prost, por sua vez, conseguiu diversos pontos a cada etapa, tornando-se o único piloto a realizar tal façanha.

“Essa não foi uma temporada fácil. Tive dificuldades nos treinos classificatórios durante toda esta temporada e não estou satisfeito com meu sexto lugar no campeonato. Saímos de Montreal com o título de equipes, o que era um dos dois objetivos, e agora daremos o nosso melhor para voltar mais fortes no próximo ano”; disse Prost.

Renault e.dams

Renault e.dams

Veja também: Os carros mais velozes das últimas 8 décadas

Na final de Montreal, apenas 18 pontos separavam Sébastien Buemi de seu rival, Lucas di Grassi, antes da última corrida pelo título de pilotos. No sábado, houve um acidente com Buemi nos treinos livres, o que acabou provocando a sua desclassificação naquela noite. A falta de sorte se repetiu no dia seguinte, com uma corrida complicada para os dois pilotos.

“Estou contente pela equipe, eles mereceram esse título. O carro foi muito bom durante todo a ano. Infelizmente, a final não terminou bem para mim, mas faz parte do jogo e é preciso aceitar isso. Cabe a nós aprender com nossos erros e voltar mais fortes no próximo ano”; comentou Buemi.

Confira o BlogAuto no: Youtube, FacebookGoogle+, Instagram e Twitter.

Renault e.dams conquista três títulos na Fórmula E

»crosslinked«