Nissan Tiida 2012

Perto dos futuros i30 e Cee´d (amanhã vocês entenderão a razão) o novo Nissan Tiida 2012 ficará passado, mas para uma marca um tanto apagada o hatch médio melhorou muito. E põe muito. A montadora revelou o modelo oficialmente no Salão de Xangai nesta terça-feira.

Não era para menos que o Tiida andava sem graça – foi lançado em 2004 e ganhou só um tapinha no visual nesse meio tempo. Tanto é que a nova geração parece revolucionária. Mas não é. Reparem na frente: nada mais que o trivial dos últimos modelos da Nissan. As laterais são o ponto alto: os para-lamas saltados e o friso que chega até a porta dianteira deram o tom da mudança. A traseira já havia vazado faz tempo mas é a cara da Nissan sem pôr nem tirar.

Nissan Tiida 2012

Se o exterior está legal o interior está melhor. Acostumada a projetar paineis sem sal nem açúcar, a Nissan liberou seu designers para inventar um pouco. As linhas do Tiida, por exemplo, “abrem” na altura do console central para depois fecharem novamente. O volante tem um desenho muito bonito e o painel parece bem completo. Há opção de ar digital dual zone ou manual e acabamento em preto e em tons claros. Ambos são bastante atraentes. E se a parte mecânica era o melhor do atual Tiida, a nova geração trará opção sequencial associada ao câmbio CVT. Já o motor, direcionado para o mercado chinês é um 1.6 de 108 cv. Certamente, a versão mexicana será mais potente, quem sabe até com adendos mais interessantes. Duro mesmo é ver a Nissan dizer que o novo Tiida será vendido em 130 países até 2014. 2014?! Será que alguém lá sabe o significado da palavra “timing”? Os últimos mercados, coitados, vão ver um modelo com três anos de história, já ultrapassado pelos rolo-compressores coreanos e chineses. Aliás, na China ele chega logo, logo, em maio. [nggallery id=52]