Kia Mohave

Kia Mohave

A Kia Motors do Brasil anunciou nesta segunda-feira, 12, um recall para o utilitário-esportivo grande Kia Mohave. Ao total, 820 unidades do Kia Mohave estão envolvidas no chamado de segurança, que deverão comparecer a uma concessionária da fabricante sul-coreana mais próxima para realizar uma inspeção no conjunto do pedal de freio.

Descubra como ter um carro novo de forma inteligente e segura, sem preocupações. Saiba mais, clicando aqui.

De acordo com o divulgado da empresa, a fixação dos componentes é realizada para que se rompam em caso de impactos fortes, protegendo os pés e as penas do motorista do impacto com o ferro. Porém, os exemplares do Kia Mohave envolvidos na campanha, o rompimento também ocorreria em colisões menos rigorosas, quando não há imobilização do veículo.

Veja também: Kia Cadenza ganha linhas do luxuoso Quoris em reestilização

Até o momento, ainda segundo a marca, não há registro de acidentes com o Kia Mohave em decorrência da falha do conjunto do pedal de freio, mas o reparo será realizado apenas por precaução. O recall envolve os modelos com relação de chassi KNA——-022394 ao KNA——-045892 (somente os últimos dígitos devem ser observados), e o atendimento já pode ser solicitado em alguma revenda da marca.

Problemas com o Procon-SP

Logo após o anúncio do recall para o Kia Mohave, a importadora da marca no Brasil foi notificada pelo Procon-SP por não ter divulgado um endereço da internet ou telefone para os consumidores obterem maiores informações sobre o caso. Segundo a instituição, o anúncio publicado pela empresa em jornais não revela os ricos que o defeito no conjunto de pedal de freio pode oferecer ao motorista e aos demais ocupantes do veículo.

O Procon informa que, se o cliente tiver dificuldade para efetuar o reparo, deverá entrar em contato com o órgão de defesa do consumidor através do telefone 151 (capital) ou nos postos de atendimento pessoal. O órgão diz que não há prazo para adesão da campanha, e o proprietário do Kia Mohave deverá exigir o reparo sem nenhum custo adicional.

Confira a página oficial do BlogAuto no Facebook.