Lançado em meados de 2008, a atual geração do Kia Cerato (nomeado de Forte em diversos países) já sente o peso da idade, tanto no quesito tecnologia como no design, fora do atual padrão visual da montadora sul-coreana. Para isso, o novo Cerato já está por vir. Previsto para chegar ao mercado no segundo semestre, a nova geração do sedã da Kia já faz seus testes finais, como revela esse flagra reproduzido pelo site chinês Auto.163.

Novo visual, interior renovado, motorização modernizada e tecnologia de ponta serão os principais quesitos a serem apresentados no Cerato para enfrentar a forte e acirrada concorrência dos sedãs médios, liderada no Brasil e em muitos outros países pelo velho Toyota Corolla.

Por fora, as linhas do novo Kia serão bastante semelhantes ao do Cee’d 2013, que será mostrado pela Kia durante o Salão do Automóvel de Genebra, em março. A dianteira exibirá a grade “nariz de tigre” dos novos automóveis do fabricante e os faróis volumosos e espichados, com LEDs.

Visto de traseira, o novo Cerato – conhecido pelo codinome K3 – nada terá a ver em relação ao modelo atual. As lanternas serão volumosas e semelhantes à de modelos maiores, como Optima e Cadenza.

Assim como o exterior, a cabine do três-volumes também será assinada pelo designer Peter Schreyer. O volante do Kia Cerato 2013 remete ao novo Picanto, porém, com três pontos. O painel de instrumentos permanece com os bons e velhos ponteiros analógicos, sem nenhum item digital, a não ser pelo computador de bordo.

O console central do painel do sul-coreano abrigará as saídas de ar verticais e o sistema multimídia, com uma pequena tela controlada por botões nas extremidades. A motorização e a plataforma deverá ser a mesma utilizada pela Hyundai no Elantra e, por isso, terá interior mais amplo. O entre eixos também será maior.