Honda HR-V 2016

Honda HR-V 2016

A Honda anunciou os preços do HR-V, primeiro SUV compacto da marca a ser vendido no Brasil. O modelo custará entre R$ 69.900 e R$ 88.700, dependendo da configuração. Em comum, todas as versões vêm equipadas com o motor 1.8 i-VTEC de 140 cv, o mesmo do Civic LXS, sistemas ‘Handsfree’ (Bluetooth) e ULT, trazido do Fit além de direção elétrica, e também o VSA, controle de estabilidade e tração, e ainda freio elétrico de estacionamento.

Quer parcelar os débitos do seu carro? Faça tudo online: licenciamento, IPVA e multas sem todo o processo burocrático. Saiba mais, clicando aqui.

A versão de entrada é a LX, por R$ 69.900, com câmbio manual de seis velocidades e, além dos itens citados acima, vem com freio traseiro a disco, como na versão americana – segundo a Honda, pelo peso maior, o HR-V necessitou de um sistema mais eficiente. Há também o Hill Start Assist, que segura o carro por alguns segundos em partidas em rampas. A versão LX automática usa o mesmo câmbio CVT do Fit e City e custa bem mais: R$ 75.400.

O HR-V EX sair por R$ 80.400 e acrescenta pouco em relação aos anteriores, aparenemtente. A Honda fala em luzes repetidoras de LEDS em seu comunicado apenas. A versão mais cara, EXL, custa R$ 88.770 e tem vários itens exclusivos.

Honda HR-V 2016

Honda HR-V 2016

O HR-V EXL traz ar digital, central multimídia ‘inteligente’ que permite ‘espelhar’ um dispositivo com entrada HDMI na tela de 7 polegadas, bancos de couro, paddle-shifts, retrovisor com rebatimento elétrico e função Tilt-Down que abaixa o espelho quando engatamos a ré.

Mirando no EcoSport FreeStyle

A estratégia da Honda é curiosa. Em vez de oferecer uma versão intermediária vantajosa, a marca concentrou as novidades desde as versões de entrada. Por isso, o HR-V LX é capaz de encarar o EcoSport Freestyle (R$ 71.200) custando menos nesse caso e oferecendo muita coisa a mais, incluindo aí o elogiado e exclusivo sistema de bancos ULT. A versão EX-L, por sua vez, servirá para incomodar modelos maiores e mais caros como o ix35, Sportage e Tracker.

Honda HR-V 2016

Honda HR-V 2016

Não deverá ser fácil comprar um HR-V. Enquanto não termina a fábrica de Itirapina, no interior de São Paulo, a montadora terá que usar sua unidades argentina e Sumaré para dar conta da demanda. Ou seja, vai faltar carro no mercado, seja o Fit, City ou Civic, o mais cotado. E, dependendo da recepção, também o HR-V, o que pode gerar o famoso sobrepreço.

Confira avaliação do HR-V pelo Blogauto nos próximos dias.

Honda HR-V 2016

Honda HR-V 2016