E a regra se confirmou: o Duster brasileiro será idêntico ao russo, recentemente flagrado. Ou seja, a Renault fez o mesmo da época do facelift do Logan. Mostrou o carro na Rússia e depois introduziu as mudanças aqui. O fim da dúvida veio com a foto acima, tirada pela agência Mira e Clica na região de Campinas.

Como o russo, o Duster brasileiro ganhou uma grade cheia de frisos cromados para tentar melhorar a aparência um tanto rude. Se a lógica foi seguida, o interior também será melhorado e diferente dos irmãos Logan e Sandero.

A Renault lançará o Duster em setembro, conforme antecipamos aqui em primeira mão.

Via Mão na Roda